11/12/2020

Acipi lança pedra fundamental de novo complexo

Com o objetivo de melhor atender ao associado e à população piracicabana, a Acipi (Associação Comercial e Industrial de Piracicaba) lançou, nesta sexta-feira (11), a pedra fundamental de construção de seu novo complexo, com previsão de início das obras para 2021.

O espaço, anexo à sede da entidade, no Centro, integrará projetos com foco em inovação, tecnologia e novas tendências para o mercado do varejo.

O evento contou com a presença da diretoria da Acipi e autoridades e seguiu todos os protocolos de saúde, exigidos devido à pandemia de Covid-19.

O projeto do novo complexo começou a ser desenhado em 2018 e, portanto, por conta da pandemia, teve de ser adaptado e repensado. De lá para cá, a Acipi adquiriu outros terrenos e adequou todo o cronograma das obras.

Atualmente, o projeto está em fase de licitação para contratação da empresa que será responsável pela construção.

O local abrigará salas de aula e um laboratório de Varejo, a Escola do Varejo, para aplicação, na prática, do conteúdo aprendido nos cursos desenvolvidos junto à Acipi Escola de Negócios.

Serão quatro andares no novo prédio e dois subsolos, com aproximadamente 90 vagas de garagem, pavimento térreo para atendimento ao público e mais três pavimentos acima do térreo para aulas práticas.

Na ocasião, o presidente Luiz Carlos Furtuoso detalhou a edificação, que contará com 5.400 metros quadrados de área construída. “Quando essa ideia nasceu, estávamos em um momento diferente. Planejamos o futuro, mas ninguém imaginava essa pandemia. Demonstramos o interesse em comprar os imóveis e a contribuição em fazer esta ampliação. Foi uma negociação difícil e agradeço, também, essa colaboração dos nossos vizinhos. Esse projeto surgiu porque percebíamos que precisávamos de um espaço de tecnologia e inovação. Hoje, temos salas para treinamentos, mas teóricos. Nosso objetivo é oferecer, agora, a prática para formar pessoas”, ressaltou.

“O que percebemos é que, com a pandemia, o que iria acontecer em dois, três anos, ocorreu agora. Nosso objetivo é trazer tecnologia ao associado com um custo baixo. Assim, Piracicaba poderá ser um polo comercial e de serviços”, completou. O presidente também agradeceu o trabalho de todos os envolvidos. “O grupo de diretores que compõe a Acipi é voluntário e sonha junto conosco. As pessoas estão conectadas a nós. Esperamos que esse sonho alcance muitas pessoas e que possamos melhorar a vida delas. E que Piracicaba continue pujante.”

Segundo João Paulo Meireles de Faria, arquiteto responsável, o projeto foi delineado pensando em uma arquitetura contemporânea com foco na sustentabilidade. “O prédio tem uma inovação no modo de fazer desde o processo de escolha dos projetos arquitetônicos. O foco está ligado a tecnologia e varejo. Serão dois edifícios: o maior, dos escritórios, e o pavilhão de exposições e cultura. No pavimento térreo, ficarão os atendimentos ao público”, explanou.

A preocupação com a questão social também foi algo empregado pela entidade nas obras, que contaram com mão de obra de detentos que cumprem regime semiaberto e, portanto, têm liberação da Justiça para trabalhar, por meio de parceria com o CDP (Centro de Detenção Provisória de Piracicaba). Todos os materiais que puderam ser reutilizados a partir da demolição foram doados à Mucapp (Associação Pró-Mutirão da Casa Popular de Piracicaba) para que famílias pudessem utilizá-los em suas construções.

O prefeito Barjas Negri salientou que é um prazer imenso participar deste lançamento. “Elogio a iniciativa da Acipi de avançar do ponto de vista tecnológico. É um empreendimento ousado, em uma área privilegiada e valorizada. A entidade se preparou para esses investimentos e esse momento de avanços, com tecnologia avançada, para acolher bem o comércio, serviços e indústria de Piracicaba. Tenho certeza que será uma bela Escola de Varejo. Piracicaba e os empreendedores só ganharão com esse projeto”, disse.

O presidente da Câmara de Vereadores, Gilmar Rotta, destacou que, mais uma vez, a Acipi saiu na frente demonstrando para a população que é uma entidade forte, respeitada, que sabe o que quer, administrada por pessoas sérias e honestas. “A diretoria trabalha, faz acontecer. Parabenizo os antigos e o atual presidente, Luiz Carlos Furtuoso, que fizeram com que essa Associação crescesse e chegasse onde chegou. A Acipi é muito importante para nossa cidade”, parabenizou.

“A Acipi é motivo de orgulho para todos nós. O novo prédio será um centro de tecnologia. E a entidade, preocupada com os associados, geração de emprego e renda, participa ativamente da vida de Piracicaba, fazendo parte da história dela. Parabéns a todos”, homenageou o deputado estadual Roberto Morais.

Também participaram do lançamento Arnaldo Bortoletto, presidente da Coplacana; Adauto José de Oliveira, inspetor da Guarda Civil; José Coral, presidente do HFC (Hospital dos Fornecedores de Cana) e vice-presidente da Coplacana; Euclides Libardi, presidente do Simespi (sindicato patronal da indústria); André Messias, presidente do Sincop (Sindicato dos Contabilistas de Piracicaba); José Antonio de Godoy, vice-prefeito; Manoel Perez Neto, vice-presidente do Conselho de Administração da Sicoob Cocre; Itacir Nozella, presidente do Sincomércio Piracicaba (Sindicato do Comércio Varejista de Piracicaba); Willians de Cerqueira Leite Martins, comandante do CPI-9 (Comando de Policiamento do Interior); padre Edmilson Rodrigues de Moraes, diretor administrativo na Obra Salesiana Dom Bosco de Piracicaba; Tenente Coronel Harley Pereira, comandante do 16º Grupamento de Bombeiros; Mauricio Arantes Romero Gonçalves, diretor técnico do CDP (Centro de Detenção Provisória "Nelson Furlan" de Piracicaba); Reinaldo Pousa, presidente da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas de Piracicaba); Carlos Joussef, presidente da Unimed Piracicaba.